BREVE HISTÓRICO

Consta que a terra tenha sido habitada por índios Caiapós. Mas com a decadência do ouro em Minas Gerais, muitos Mineiros migraram e dessas migrações resultaram inúmeras localidades novas; assim a família do senhor Francisco Antônio Junqueira adquire em 1.850, entre outras terras, pequenas áreas em Porto Antunes - atualmente Miguelópolis.
 
Em 1.895, já havia no local um aglomerado de moradas rústicas.
 
Com o ciclo do café, os trilhos da Mogiana vão plantando dormentes e forman-do cidades: em 1.901, chegam a Miguelópolis tirando-a da "era do sertão" e colocando-a na "era moderna", operada pela revolução mecânica. Onze anos depois era instalada a primeira farmácia no local e neste mesmo ano - 1906 - foi criada a primeira escola primária.
 
No ano de 1.910, Jacinto Felizardo Barbosa e o Capitão Hilário Alves de Freitas doaram cerca de 15 alqueires de terra a São Miguel Arcanjo, para formação do patrimônio.
 
A primeira casa de alvenaria de tijolos, coberta de telhas, foi construída por David Estevão Rodrigues, datada de 1.914.
 
De 1.910 à 1.913, São Miguel Arcanjo foi representado na Câmara Municipal de Ituverava pelo cidadão Armando da Cunha Barros, que deu início ao trabalho de emancipação política.
 
No ano de 1.916, a primeira igreja foi construída; em 1.921, o Distrito Policial foi criado com o nome de Miguelópolis, pois já existia outra cidade com o nome de São Miguel Arcanjo, sendo nomeadas as primeiras autoridades.
 
Em 24 de outubro de 1.927, pela Lei nº 2.204, foi criado o Distrito de Paz.
 
O cartório foi instalado em 14 de janeiro de 1.928 (data comemorativa do aniversário da cidade).
 
Pela Lei nº 14.334, de 30 de novembro de 1944, foi criado o município de Miguelópolis, tendo sido instalado a primeiro de janeiro de 1.945, com a posse de José Antônio da Silva Junior, no cargo de primeiro prefeito, nomeado pelo então governador do Estado.
 
Em 1947, realizou-se a primeira eleição para escolha dos dirigentes do município e assim começou a vida política do município.
 
Foi fundada em 1948 a primeira paróquia. O 1º pároco foi Francisco Balsola.
 
Por ocasião da instalação de sua Comarca, que deu-se a 17 de outubro de 1.965, Miguelópolis desligou-se da Comarca de Ituverava, datando sua criação de 18 de feve-reiro de 1959, por força da lei nº 5.285.
 

 

DADOS GERAIS

Aniversário: 14 de janeiro
Fundação: 1945
Gentílico: miguelopolense
Prefeito: Naim Miguel Neto (PSDB)(2017–2020)
Unidade Federativa: São Paulo
Mesorregião: Ribeirão Preto IBGE/2008 [1]
Microrregião: São Joaquim da Barra IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes: Aramina, Ituverava, Ipuã, Guaíra, Conceição das Alagoas (MG), Água Comprida (MG) e Uberaba (MG)
Distância até a capital: 410 km

Características geográficas

Área: 826,889 km² [2]
População: 20 442 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade: 24,72 hab./km²
Altitude: 510 m
Clima: Tropical

Nosso site faz o uso de cookies para melhorar sua experiência de navegação. Leia sobre como utilizamos cookies e como você pode controlá-los clicando em "Preferências de Privacidade" à direita.

Preferências de Privacidade

Quando você visita qualquer site, ele pode armazenar e recuperar informações através do seu navegador, geralmente na forma de cookies. Como nós respeitamos sua privacidade, você pode escolher não permitir coletar dados de alguns tipos de serviços. Entretanto, ao não permitir esses serviços sua experiência pode ser impactada.


ACESSIBILIDADE

Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas: Alt + [ de atalho]

Atalhos de navegação:

Tamanho da Fonte/Contraste
fechar
ACESSIBILIDADE
Carregando... Por Favor, aguarde...